quinta-feira, 26 de março de 2015

«A Realidade do Imaginário»
30 anos do Centro Português de Serigrafia (CPS)


Comissariada por Maria João Fernandes e com direção artística de Alexandra Silvano, foi inaugurada a 5 de Março, a exposição “A Realidade do Imaginário”, por iniciativa da Direção Regional de Cultura do Centro e do Centro Português de Serigrafia (CPS), que se desdobra por sete espaços distintos com iniciativas simultâneas e que faz mostra de cerca de 200 trabalhos de outros tantos artistas.

Museu de Aveiro - No Princípio era a Luz, temas do imaginário do dia e da noite: Noite Antiquíssima e Eterna | Figuras da Sombra | Mediadoras | Mediadores | O Dragão, Figura da Totalidade | Variações sobre a Luz | Arquiteturas Solares

Museu da Guarda - núcleo “Geometria, Alquimia e Linguagem” : Geometrias Cósmicas |  Jogos Óticos | A Palavra como Imagem | Escritas do Cosmos

Museu Francisco Tavares Proença Júnior, Castelo Branco - “O Amor e o Tempo”, o coração, imagens do amor e do erotismo

Museus José Malhoa, Caldas da Rainha - O Imaginário da Realidade, que inclui Narrativas do Real Quotidiano | Nova Figuração | O Imaginário Cósmico | O Mar como Símbolo | O Espírito do Fogo | A Visão da Bio Arte

Museu da Cerâmica, Caldas da Rainha - núcleo Tradição e Inovação, edições do CPS, entre as quais o azulejo e a cerâmica, com escolha e apresentação de Alexandra Silvano

Museu Joaquim Manso, Nazaré - Símbolos Cósmicos: o Mar

Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, Coimbra - O Horizonte do Sonho, obra gráfica de Cruzeiro Seixas
(Até 26 de Abril de 2015)

Sem comentários:

Enviar um comentário