terça-feira, 22 de setembro de 2015


VOLTO JÁ...OU NÃO!


Cuentos mínimosMaría José Barrios 

[Estimados clientes:
Saí, por momentos, para ir pedir a mão de Rosaura, a filha do alfaiate. Estou sozinho há demasiado tempo. Se ela aceitar, fugiremos da cidade, vamos casar-nos na primeira igreja que encontrarmos no caminho e teremos dois filhos. Ao primeiro daremos o nome de Anselmo, em memória do meu avô. Caso contrário, estarei de volta em cinco minutos.]

Sem comentários:

Enviar um comentário